Onde estamos?

Hoje não é meu dia, passei no pet shop e tive um gasto enorme, depois ao retornar para casa estava com fome pensei em passar num drive thru de uma grande rede de lanchonetes, mas fiquei um duvida se meu cartão de credito estava funcionando devido alguns problemas que tive a ultima vez que liguei para o call center, portanto revolvi ir para casa e ligar para alguma pizzaria que tenha serviço de delivery, naturalmente o melhor a fazer num dia cheio de complicações e quando a noite chega assistir um DVD e preferencialmente usando um home theater...
Nenhum dos fatos acima é real, a única coisa que é verdadeira nisso é que estamos sofrendo uma invasão de palavras estrangeiras em nosso dia a dia e o pior ainda que muitas pessoas adoram isso e fazem todo o esforço possível para usa-las cada vez mais. Isso me lembra de uma velha frase “a pena é mais forte que a espada”, realmente é uma frase muito antiga do tempo em que pena era usada para escrever e espada para lutar, mas o sentido ainda vale e muito.
Pode parecer bobagem mais é importante cuidar e valorizar o que é nosso, pois muitas vezes faz coisas assim faz parecer que estamos até em outro lugar do mundo, entretanto precisamos valorizar nossa cultura e não agir como algumas pessoas acham que coisas importadas são melhores pelo simples fato de virem de outro país. E sabemos que não é bem assim, pois existem muitos setores onde o Brasil é tão competente ou até mais que outros países.
Onde estamos?
4/ 5
Oleh