Sobre o Mundo

A idéia original era escrever um texto comentando sobre cartazes que vi colocados em postes numa rua com a foto de um cãozinho desaparecido e com um texto falando sobre o animal, para onde ligar em caso de ter noticias e outras coisas que não vêm ao caso neste momento.

É incrível que num mundo tão violento e onde parece que a única coisa importante é o consumismo ainda existam pessoas capazes de amar a ponto de fazer cartazes, procurar um cachorro desaparecido, demonstrar tanto carinho assim por um ser.
Contudo, eu já falei que esta era a idéia original, pois assim que passou meu encantamento pela nobre atitude, comecei a seguir uma nova linha de raciocínio. Você imagina quantas pessoas passam fome atualmente, quantos doentes não tomam seus remédios por falta de condições de comprar, isso quando conseguem atendimento médico... Já imaginou que enquanto estamos, eu escrevendo e você lendo este texto, existem pessoas morrendo de fome, sendo torturadas, crianças e pessoas desaparecidas e sabe Deus que outras barbaridades por esse mundo a fora...

Isso tudo faz o sumiço de um cachorrinho parecer algo insignificante demais para ocupar o pensamento de alguém. Posso concluir então que Einstein tinha mesmo razão quando dizia que tudo é relativo, certamente não era essa a intenção, mas realmente tudo depende do nosso modo de ver e pensar o mundo.

Sobre o Mundo
4/ 5
Oleh